Você sabe o que é gestão estratégica?

A gestão estratégica é determinada como o planejamento e execução de iniciativas com o intuito de atingir os objetivos de sua organização, acompanhamento do desempenho a partir de indicadores e proposições de melhorias contínuas ao longo do tempo. Muitas vezes, os principais problemas não estão em planejar ações ou definir indicadores, sim em executar o que foi definido. Para isso é necessário o engajamento das pessoas em todos os níveis (estratégico, tático e operacional).

Execução da Estratégia

Para que a estratégia se torne algo intrínseco no dia a dia de um negócio temos que inicialmente realizar um bom planejamento estratégico composto por missão, visão, valores, objetivos, iniciativas, indicadores. Existem diversas metodologias que podem ser utilizadas, por exemplo, o Balanced Scorecard (BSC) que estabelece objetivos estratégicos não só para a área financeira, mas também para clientes, processos internos e aprendizado e crescimento auxiliando para que todas as vertentes sejam contempladas e que os propósitos sejam alcançados de forma sistêmica e concreta.

Os funcionários devem ser envolvidos na elaboração do planejamento estratégico. Afinal, eles entendem as principais dificuldades enfrentadas que impedem o alcance dos objetivos estabelecidos. Esse é um dos primeiros passos para que a estratégia não seja engavetada. Afinal, quando as pessoas compreendem como o planejamento se relaciona com o seu trabalho é mais fácil de se engajarem e realizarem as iniciativas propostas.

O processo de envolvimento de todos os funcionários é constante ao longo da execução, podemos utilizar a Gamificação que por meio de mecanismos semelhantes ao de jogos motiva atingir objetivos. Além disso, para atividades que se repetem constantemente podemos utilizar a metodologia Poka Yoke, que padroniza tarefas e diminui a ocorrência de erros, um exemplo é um empregado que aponta diariamente a taxa de refugo de uma linha de produção e caso haja erros na coleta haverá um impacto na análise desse indicador.

Como medir meu desempenho?

A mensuração de resultados é feita com os indicadores que foram estabelecidos e para que isso ocorra deve haver uma coleta constante dos dados necessários, algumas situações pode ser algo automático e outras há a necessidade de um responsável realizando a coleta.

Um sistema de indicadores mais utilizado atualmente é o OKR (Objectives and Key Results) dividido em duas partes: os objetivos que são o que se almeja alcançar e os resultados-chave que são a forma como irei atingir. Essa metodologia auxilia a tornar mais palpável a estratégia. Os resultados-chave devem ser associados a cada empregado da organização de modo que eles saibam exatamente o que fazer para conquistar os objetivos. Exemplos:

Objetivo: Promover a satisfação de nossos clientes

KR: Alcançar 70% de NPS

A elaboração de um planejamento consistente é o ponto alto para que a mensuração seja efetiva. Para entender o desempenho que estamos tendo os parâmetros estabelecidos devem ter ligação direta com os objetivos. Além disso, deve-se sempre considerar o engajamento dos funcionários para que os esforços levem o seu negócio para o lugar desejado.

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp